Compostagem e o reaproveitamento de resíduos em casa

A compostagem está cada vez mais em voga e não é à toa. Hoje a América Latina, como um todo, joga 145 mil toneladas de orgânico por dia em aterros. Um número gigantesco! O problema é que esses resíduos se misturam com outros tipos de lixo, impactando o meio ambiente, gerando emissão de gases de efeito estufa (GEE) e chorume tóxico.

 

Por isso, a saída está em suas mãos. Destinar corretamente os resíduos orgânicos, fechando o ciclo de nutrientes e transformando em adubo é a grande sacada da compostagem e pode ser feito em casa.

 

Vale lembrar que, assim como a compostagem voltada à reciclagem de grandes volumes de lixo orgânico, a compostagem doméstica está alinhada aos princípios da Política Nacional de Resíduos Sólidos, que visa eliminar os lixões a céu aberto .

 

Benefícios da compostagem

 

A compostagem é um processo biológico e pode ser considerado uma espécie de reciclagem do resíduo orgânico. Ele acelera a decomposição do material orgânico, recuperando os nutrientes dos resíduos orgânicos e leva-os de volta ao ciclo natural, enriquecendo o solo para agricultura ou jardinagem.

 

Além disso, o chorume produzido no processo da compostagem com minhocas (que é uma das possibilidades de compostagem) pode ser utilizado como adubo líquido (na proporção de dez partes de água para uma de chorume) e como pesticida (na proporção de meia parte de chorume e meia de água borrifada nas plantas).

 

VEJA TAMBÉM: Como a Finlândia faz a gestão de resíduos?

 

Qual o impacto da compostagem no meio ambiente?

 

A reciclagem e reaproveitamento de resíduos têm impacto significativo e grande importância para a solução de problemas ambientais contemporâneos com a contribuição direta na redução de passivos ambientais e prevenção da poluição do solo, rios e lagos provocada por contaminação e descarte incorreto. Com a transformação das características dos resíduos em material rico em nutrientes, a compostagem promove a valorização de resíduos, antes sem relevância e que seriam destinados a aterros sanitários, em adubos e fertilizantes orgânicos compostos, exercendo papel importante na preservação do meio ambiente.

 

Você já conhecia a alternativa da compostagem doméstica e seus benefícios ambientais? A possibilidade de realização do processo provoca uma reflexão acerca de todos os resíduos orgânicos que geramos no dia a dia e que usualmente consideramos apenas como lixo.

 

Se você ficou interessado em saber como fazer, logo vamos lançar um manual de compostagem completo!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Receba novidades e dicas ambientais no seu e-mail!